NOTÍCIAS


Walmart dos EUA cobrirá despesas de aborto para funcionárias



Maior rede de hipermercados dos EUA, o Walmart anunciou que está ampliando a cobertura para procedimentos de aborto para ajudar suas funcionárias a realizar o procedimento.

A decisão foi anunciada por memorando enviado em 19 de agosto aos trabalhadores, meses após a decisão da Suprema Corte americana eliminar o dispositivo Roe vs. Wade, que garantia o direito à prática em todo o país.

De acordo com o documento, a cobertura para o procedimento terá o apoio da empresa quando houver risco à saúde da mãe, estupro ou incesto, gravidez ectópica, aborto espontâneo ou inviabilidade fetal.

Os familiares dos funcionários também terão os custos de viagem pagos, caso o procedimento legal não consiga ser feito em um raio de até 160 quilômetros de localização.

Segundo a rede de lojas de departamento, o apoio será por meio da ampliação do seu plano de saúde.

O memorando foi enviado para os cerca de 1,6 milhão de funcionários da companhia de todo o país.

No Arkansas, onde a empresa está sediada, o aborto é proibido em todas as circunstâncias, a menos que o procedimento seja necessário para proteger a vida da mãe em uma emergência médica. Não há exceções para estupro ou incesto.

Apoio a viagens

Além do Walmart, empresas como a JPMorgan Chase, Amazon e Walt Disney e outras ampliaram as apólices de seguro para oferecer auxílios de viagem às funcionárias para a realização do aborto.

No início de agosto, o presidente Joe Biden já havia assinado um decreto para financiar viagens de mulheres para Estados onde o aborto é permitido.

“Estou empenhado em fazer tudo o que estiver ao meu alcance, incluindo tomar medidas fortes como a Ordem Executiva que assinei hoje, para salvaguardar o acesso aos cuidados de aborto”, declarou o presidente americano.



Fonte: Guiame


25/08/2022 – Destak Gospel

COMPARTILHE

SEGUE A @DESTAKGOSPELFM

(21) 98232-3994

destakfm@msn.com
Rio de Janeiro

NO AR:
AUTO PROGRAMAÇÃO