NOTÍCIAS


Viciado por 30 anos é liberto após ganhar uma Bíblia: “Jesus é meu Salvador”


Jeff Tomlinson, dos Estados Unidos, passou a maior parte de sua vida no mundo das drogas e do crime.

Com apenas 12 anos, Jeff começou a trabalhar com um vizinho mais velho, que o apresentou à drogas pesadas.

“Ele estava na casa dos 30 anos e era dono de uma loja de barcos. Ele era apenas um festeiro e isso me deu acesso fácil a muitas drogas. Comecei a usar cocaína quando tinha 12 anos, e a partir daí comecei a usar metanfetaminas e fiquei viciado”, contou ele, em entrevista ao The 700 Club.

“Acho que foi só curiosidade. Quero dizer, minha vida em casa não era tão ruim assim. Eu não estava tentando fugir. Na maior parte do tempo, eu só queria me divertir”.

Porém, a busca por diversão levou Jeff ao crime e à prisão, ainda em sua adolescência. “Eu tive problemas quando tinha 17 anos, com meus amigos. Estávamos todos sob efeito do LSD. Meus amigos espancaram um veterano deficiente e os xerifes vieram e nos prenderam”, lembrou.

Sem fé em Deus

Desde cedo, Tomlinson nunca teve fé em Deus. “Quando eu era mais novo, achava que as pessoas que acreditavam em Deus eram meio tolas”, disse ele. 

“Achei muita bobagem. Nunca fui à igreja quando criança. Meus pais nunca me levaram a uma igreja. Eu tinha amigos que iam e achava que eles eram meio estranhos”.

Após ser preso ainda menor de idade, Jeff percebeu que tinha que mudar de vida, mas agora ele estava viciado em metanfetamina. 


Jeff Tomlinson era viciado em drogas desde os 12 anos. (Foto: Reprodução/YouTube/The 700 Club).

“Eu queria me livrar das drogas, mas elas eram tão atraentes que eu simplesmente voltava”, revelou.

Um vizinho ajudou o jovem a entrar no exército, na esperança que a disciplina militar o transformasse. Mas, depois de sofrer uma lesão, Jeff voltou às drogas.

“Algo em mim me fez perceber que eu realmente não queria fazer nada na vida, exceto festejar. Recebi um pouco de dinheiro dos militares quando saí. Era como uma indenização de 10 mil dólares, e eu gastei tudo em festas. Eu odeio dizer isso, mas eu estava apaixonado por metanfetamina”, confessou.

Ouvindo sobre Jesus na prisão

Ele se afundou cada vez mais, enquanto vendia drogas. “Já tive pessoas apontando armas para mim e eu as desafiei: ‘Ei, me tire da minha miséria’. Eu estava cansado de viver de qualquer maneira. Eu não tinha nenhuma esperança de haver um Deus ou mesmo me importar se havia um Deus”, comentou ele.

Durante um tempo na prisão, um colega de cela lhe contou sobre Jesus, mas Tomlinson rejeitou a mensagem do Evangelho.

“Ele me falava sobre Jesus todos os dias e lia Provérbios, e isso soava como enigmas para mim. E eu dizia a ele: ‘Cara, não quero ouvir sobre seus enigmas ou seu mundo de fantasia’”, relatou Jeff.

Entretanto, a semente da Palavra ficou em seu coração. Após sair da cadeia, o jovem passou a viver nas ruas, sem rumo.

“Deus tem um plano para mim”

Até que certo dia, sua mãe, que ainda não era cristã, lhe deu uma Bíblia dos Gideões Internacionais de presente. 

“Eu comecei a ler. Cheguei ao Salmo 40, que fala sobre como Deus tirou você da lama e do poço horrível. E minha vida era simplesmente horrível nessa época. E eu pensei: ‘É isso. Deus é real e tem um plano para minha vida’”, testemunhou.

“Percebi 100% que Jesus Cristo é meu Senhor e Salvador. Ele me deu uma chance na vida”.

Jeff aceitou a Jesus, passou por tratamento e foi liberto do vício. Mais tarde, ele levou seus pais à Cristo.

Com a vida transformada por Deus, ele se casou e hoje faz mestrado em aconselhamento. Seu propósito é ajudar viciados e anunciar a eles que existe esperança em Jesus.

“Não importa o que você fez na terra. Se você aceitar Jesus Cristo como seu Salvador, você está perdoado. Se Ele me perdoou, Ele pode perdoar qualquer um”, declarou o cristão.



Fonte: Guiame


11/04/2023 – Destak Gospel

COMPARTILHE

SEGUE A @DESTAKGOSPELFM

(21) 98232-3994

destakfm@msn.com
Rio de Janeiro

NO AR:
CONECTADOS COM DEUS