NOTÍCIAS


Surfista salva homem de ataque cardíaco após esposa orar na praia: “Deus colocou você lá”



Um domingo tranquilo na praia quase se transformou em tragédia para o casal Todd e Donna Rowan, dos Estados Unidos.

No dia 3 de outubro, eles acordaram cedo para ver o nascer do sol e caminhar à beira do mar, no litoral da Virgínia. 

Enquanto eles caminhavam descalços na areia e observavam surfistas e golfinhos, Todd, de 59 anos, sofreu um ataque cardíaco súbito e caiu no chão.

No início, Donna, de 58 anos, achou que era uma brincadeira do marido, mas percebeu que ele estava ficando azul.

“Gritei o nome dele e gritei por socorro: ‘Deus, por favor, ajude Todd’”, contou ela, em entrevista ao Richmond.

Como uma resposta ao clamor de Donna, o médico Tyler Volpe estava surfando naquele dia. Pegando boas ondas, Tyler acabou ficando na praia mais do que o previsto, por quase duas horas.

Naquela manhã, o surfista ouviu o grito de Donna. “Eu sabia que não era um grito normal”, disse ele.

Ao ver um corpo na areia e outros surfistas se aproximando, Tyler voltou para a margem para prestar socorro. “Eu vim voando para fora da água”, lembrou.

Paul Roy, um profissional de saúde do hospital local, também estava surfando e uniu forças com Tyler para salvar o homem. Os dois fizeram os primeiros socorros. 

Clamando por socorro

Uma mulher abraçou Donn e ficou em oração com ela. “Eu realmente pensei que ele estava morto”, afirmou a esposa.

“Vamos, Todd, acorde”, disseram os socorristas. Enquanto isso, a maré começou a subir e outros surfistas colocaram suas pranchas para barrar a água e não atrapalhar o resgate.

“Eles o mantiveram vivo até a ambulância chegar lá”, disse Donna. “Poderia ter sido dois minutos; poderia ter sido 10 dias. Eu estava vendo minha vida acabar com a dele.”

Tood recuperou a consciência quando os paramédicos chegaram e usaram o desfibrilador. 

Intervenção de Deus

Donna testemunhou que o casal havia planejado voltar para casa naquela manhã de domingo, mas resolveram dar um passeio na praia antes.

“Graças a Deus não saímos porque teria acontecido enquanto estávamos voltando para casa”, declarou ela.

Durante a recuperação de Todd, após passar por uma cirurgia, ele se reencontrou com o surfista que salvou sua vida.

“Sabemos que Deus colocou você lá na praia conosco naquele dia. Poderia ter tido um final muito diferente”, disse Donna à Volpe.

 



Fonte: Guiame


28/10/2022 – Destak Gospel

COMPARTILHE

SEGUE A @DESTAKGOSPELFM

(21) 98232-3994

destakfm@msn.com
Rio de Janeiro

NO AR:
AUTO PROGRAMAÇÃO