NOTÍCIAS


O amor se esfriará



Estive alguns dias fora do ar. Literalmente. Nada de celular, plataformas, tvs, rádios, nada. Apenas descanso, sol, sombra, praia, e tudo ao lado de gente boa e amada. Eu precisava. Todos precisamos. Obrigações geralmente não dão prazer, mas descansar é uma obrigação, e dá muito prazer!

Voltei. Tudo conectado novamente. Os sustos já apareceram. Ontem fui abordado, “Pr., viu o juiz que era violento com a própria mulher?”, “Viu o ataque que a professora sofreu?”, “Viu…?”. E eu não havia visto nada. Impressionante como coisas ruins acontecem todo dia, em volume e intensidade que causam pavor, medo e muita insegurança.

Fui atrás das reportagens. Li, assisti, me atualizei. É incrível como as palavras de Cristo estão se realizando bem diante de nossos olhos. No fim dos tempos, disse Ele, teríamos um gigantesco esfriamento do amor como resultado da multiplicação do pecado. Esse tempo chegou, ameaça, assusta, chegamos a ficar sem ação diante do caos incontrolável que se apresenta a cada dia.

O texto de Mateus traz uma observação nas proféticas palavras de Jesus, o amor se esfriará de “quase todos”. Esse “quase todos” indica que, mesmo nesse tempo caótico, teríamos gente pautada pelo amor bíblico. Compreenda por favor, “amor bíblico” trata-se de um comportamento e um estilo de vida que tem Cristo e Sua perfeita vontade como centro, portanto bem distante e diferente do amor banalizado que se propaga hoje em dia.

O amor se esfriará, é uma realidade. Mas tal esfriamento precisa fazer parte da sua história? Precisa ser a sua prática? Precisa tornar você uma pessoa indiferente a tudo e a todos? Não, não precisa. Você pode lutar, se entregar, se dedicar, se esforçar para estar no pequeno grupo, o grupo dos “alguns poucos”, ou seja, aquele que é convictamente contrário ao grupo do “quase todos”.

E por que estou te propondo lutar para estar no “alguns poucos”? Simples. Logo na sequência do que Jesus fala de forma objetiva, que o pecado se multiplicaria e o resultado seria o esfriamento do amor, Ele dedica uma poderosa palavra aos poucos que fizerem a escolha pela santidade e pela obediência: “Mas aquele que perseverar até o fim será salvo”!

Frio ou quente? Escolha o calor do amor bíblico, o calor do amor que obedece, adora, coopera, ajuda, luta, encara, enfrenta, testemunha, não se envergonha, abraça, glorifica e exalta em tudo e a todo momento  Aquele que vive para sempre!

O amor está esfriando? Está. Mas ao tomar a decisão firme de compor o grupo dos “alguns poucos” você será aquecido diretamente pelo Espírito Santo, com um tipo de calor que nenhum pecado será capaz de esfriar.

Edmilson Ferreira Mendes é escritor, pastor, teólogo, observador da vida.

* O conteúdo do texto acima é uma colaboração voluntária, de total responsabilidade do autor e não reflete necessariamente a opinião do Portal Guiame.

Leia o artigo anterior: Jesus! Jesus! Jesus!



Fonte: Guiame


30/03/2023 – Destak Gospel

COMPARTILHE

SEGUE A @DESTAKGOSPELFM

(21) 98232-3994

destakfm@msn.com
Rio de Janeiro

NO AR:
ADORAÇÃO MÁXIMA