NOTÍCIAS


Muitas dúvidas e uma certeza



Dúvidas, em essência, são boas. Pois nos fazem pesquisar, buscar respostas, perseguir compreensões, nos fazem aprender. E então, se a sede por saber e conhecer continuar, novas dúvidas aparecerão. Já se disse que perguntas bem feitas são até mais importantes que determinadas respostas, pois perguntas bem construídas, com ponderações inteligentes, provocam inevitavelmente as melhores respostas.

Dúvidas aparecem a toda hora e em todo lugar. Na casa, na empresa, na escola, na praia, na viagem, na escola bíblica, na vida. Negá-las por medo ou vergonha é como retardar os processos de amadurecimento, de crescimento, de aprendizado. Por outro lado, reconhecer as dúvidas que se tem é o caminho mais rápido e humilde para se encontrar com as respostas que trarão luz, alívio, ânimo.

Dúvidas povoam todos os corações dos apaixonados. Sonhamos com amores que sejam felizes para sempre, porém a cada capítulo dos dramas que são escritos por amor, paixão, ciúmes, inseguranças, decepções, traições, frustrações, se encarregam de lotar com muitas dúvidas os pensamentos dos envolvidos.

Dúvidas surgem antes, durante e depois de cada eleição. Não importa o lado que ganhou, o lado que perdeu sempre fará questionamentos legítimos, como esses:  “será que houve fraude?”, “como essas pessoas tiveram coragem de votar neste candidato?”, “e agora, como será daqui pra frente?”, “será que as promessas de campanha serão cumpridas?”, “será que manterei meu emprego?”, “por que Deus permitiu que isso acontecesse?”, …

Dúvidas estremecem a fé muitas vezes. Pandemia, lives, a descoberta de dezenas de pregadores on-line, vários tipos de igreja, exposições da Palavra dos mais variados tipos, estilos e profundidades, tudo isso que, a princípio deveria ajudar e somar, muitas vezes empurra a fé de gente pura e simples para a sala das interrogações, onde passam a duvidar e questionar os valores que outrora construíram sua fé, ou seja, dúvidas! Muitas dúvidas…

Sempre será assim. Se você gosta de pensar, de refletir, de meditar, é praticamente certo que muitas dúvidas aparecerão. E quanto a certezas? Nenhuma? Existem várias. Muitas serão conquistadas no processo de se solucionar as dúvidas que vão aparecendo pelo caminho. Mas tem uma certeza que tem em si o potencial de fazer total diferença, que nos alimenta, que nos coloca pra cima, que nos faz caminhar e encarar qualquer dúvida.

Quem falou desta certeza foi Jó. E que bom que foi Jó! Afinal, trata-se de um sujeito que certamente sofreu mais do que qualquer um de nós. Alguém que perdeu tudo, absolutamente tudo, o que por si só já o justificaria se em seu coração tivesse sido gerado milhares de dúvidas em lugar de apenas algumas dúvidas. Jó sofreu e ficou sem respostas. Jó perdeu, foi humilhado, ficou no pó. Pra piorar, nada fez de ruim pra merecer as tragédias que sobre ele se abateram. Jó, um homem com inúmeras dúvidas. Dúvidas que massacrariam qualquer um de nós, que fariam a maioria desistir.

Mas Jó se agarrou a uma certeza poderosa, suficiente e, portanto, capaz de fazê-lo continuar sua luta, suportando tudo de ruim que possamos imaginar. Foi em Jó 19:25 que ele declarou esta certeza: “Porque eu sei que o meu redentor vive, e que por fim se levantará sobre a terra.” Cada um de nós precisa ter esta certeza no intelecto e no coração com total clareza: O nosso Cristo está vivo! Portanto a última palavra é dele! Nada e ninguém impedirá o seu agir! Dúvidas? São normais, todos temos. Certeza de que Cristo vive? É sobrenatural. É fé. E esta certeza é capaz de fazer-nos superar qualquer dúvida.

Edmilson Ferreira Mendes é escritor, pastor, teólogo, observador da vida.

* O conteúdo do texto acima é uma colaboração voluntária, de total responsabilidade do autor e não reflete necessariamente a opinião do Portal Guiame.

Leia o artigo anterior: Os piores males virão depois das eleições



Fonte: Guiame


03/11/2022 – Destak Gospel

COMPARTILHE

SEGUE A @DESTAKGOSPELFM

(21) 98232-3994

destakfm@msn.com
Rio de Janeiro

NO AR:
AUTO PROGRAMAÇÃO