NOTÍCIAS


Mais de 828 mil bebês foram salvos do aborto, nos EUA



Ao citar a gratidão das mulheres apoiadas por organizações pró-vida, que desistiram de abortar seus bebês, o político americano Chris Smith, disse que é injusto que essas organizações sejam tão atacadas.

O congressista se referiu à onda de violência, com bombas incendiárias e vandalismo por ativistas pró-aborto de centros de atendimento a gestantes em todo o país. 

Segundo ele, a intenção deles tem a ver com um um esforço coordenado para intimidar voluntários pró-vida da linha de frente  e profissionais médicos licenciados que prestam “apoio crítico” a mães necessitadas que pensam em abortar seus bebês.

‘Vidas inocentes precisam ser protegidas’

Para Smith, é necessário que os cerca de 3 mil centros de atendimentos a gestantes, espalhados pelo país, estejam seguros e continuem a fornecer alternativas às mulheres grávidas. 

Ele lembra que elas já enfrentam circunstâncias desafiadoras e que seus bebês são vidas inocentes que precisam ser protegidas. 

De acordo com a LifeNews, uma agência de notícias pró-vida, 828.130 bebês já foram salvos, nos EUA, durante o período de 2016 a 2020, através dos esforços de voluntários em centros de atendimentos a gestantes. 



Fonte: Guiame


13/01/2023 – Destak Gospel

COMPARTILHE

SEGUE A @DESTAKGOSPELFM

(21) 98232-3994

destakfm@msn.com
Rio de Janeiro

NO AR:
LOUVOR MANIA