NOTÍCIAS


Há problemas em se exercitar com resfriado?



Quando estamos doentes, o corpo não é o mesmo e a vontade de ficar de cama é grande. E se você já tinha uma rotina ativa e não gostaria de abrir mão das atividades físicas mesmo com resfriado?

Exercitar-se com um resfriado leve geralmente não é um problema, desde que você se sinta bem o suficiente para as atividades. No entanto, é importante lembrar que o repouso e a recuperação são fundamentais para combater a infecção.

Se você optar por se exercitar com um resfriado, escolha atividades de intensidade leve a moderada, como caminhadas ou levantamento de peso leve. Evite exercícios de alta intensidade, pois eles podem sobrecarregar ainda mais o seu corpo e retardar a recuperação.

Lidando com os sintomas

Atenção: a liberação para os exercícios não se aplicam para todos os casos. Se você estiver com febre, dores musculares ou outros sintomas mais graves, é importante evitar o exercício até que se sinta melhor. 

O exercício pode aumentar a temperatura do corpo e aumentar o risco de desidratação, o que pode agravar os sintomas.

Também é importante lembrar que o exercício pode aumentar a produção de muco, o que pode piorar a congestão nasal e os sintomas respiratórios. Se você tiver sintomas respiratórios, é melhor evitar atividades que possam piorar esses sintomas, como exercícios aeróbicos intensos.

Se você optar por se exercitar com resfriado, escolha atividades de baixa a moderada intensidade e monitore cuidadosamente seus sintomas. Se os sintomas piorarem ou se você não se sentir bem o suficiente para se exercitar, é melhor descansar e permitir que seu corpo se recupere completamente.

 



Fonte: Guiame


23/02/2023 – Destak Gospel

COMPARTILHE

SEGUE A @DESTAKGOSPELFM

(21) 98232-3994

destakfm@msn.com
Rio de Janeiro

NO AR:
ADORA TOP