NOTÍCIAS


Franklin Graham denuncia agendas anti-Deus e projeta 2023: ‘Vai piorar’



Em uma mensagem de Ano Novo, o evangelista Franklin Graham alertou sobre o estado caótico que o mundo se encontra e exortou os cristãos a estarem vigilantes no ano que se inicia.

“No início de 2023, o mundo em que vivemos parece estar implodindo”, avaliou Graham, em postagem no Facebook, no sábado (31). “Uma guerra brutal está trazendo sofrimento e morte na Ucrânia a cada dia que passa. A violência sem sentido é galopante nos Estados Unidos”.

O filho do falecido Billy Graham alertou para o crescimento de ideologias progressistas. 

“Agendas anti-Deus que antes se escondiam na escuridão agora estão orgulhosamente expostas, exigindo aceitação”, afirmou.

Franklin condenou as nações desenvolvidas que “estão sendo ultrapassadas pelo socialismo, tirando Deus de tudo em praça pública”.

Lembrando dos desafios enfrentados em 2022, Graham projetou que o ano de 2023 não trará melhoras. “Se você acha que as coisas estão más, espere – elas vão piorar”, ressaltou.

Resposta para um mundo corrompido

Segundo o evangelista, a resposta dos cristãos para um mundo cada vez mais corrompido é o Evangelho.

“Como seguidores de Jesus, o que fazemos? Dizemos a um mundo moribundo que Jesus é o caminho, a verdade e a vida – ninguém vem pelo pai senão por Ele (ver João 14:6 )”, ensinou.

Exortamos as almas perdidas a se arrependerem dos seus pecados e a acreditarem no Nome do Senhor Jesus Cristo, antes que seja tarde demais”.

Em outra postagem, no primeiro dia de 2023, Franklin Graham exortou os cristão a permanecerem vigilantes neste novo ano, citando a passagem bíblica de Mateus 24:44.

“Jesus diz a seus seguidores: ‘Estejam prontos, porque o Filho de Deus vem na hora em que vocês não esperam’”.

Posicionamento contra pautas progressistas

Ao longo de 2022, o líder da Billy Graham Evangelistic Association se posicionou contra pautas anticristãs e defendeu a liberdade religiosa, incluindo o fim do direito ao aborto nos EUA.

Em outubro de 2022, Franklin foi indenizado por ter sua cruzada evangelística na Escócia cancelada devido a suas opiniões bíblicas.

O evento da turnê evangelística aconteceria em maio de 2020 na arena Hydro do SEC. Porém, o centro cancelou o evento em janeiro daquele ano, justificando que Graham havia feito “publicidade adversa recente”.

Na época, o evangelista enfrentava críticas por comentários de sua visão cristã sobre homossexualidade, islamismo e Donald Trump.



Fonte: Guiame


03/01/2023 – Destak Gospel

COMPARTILHE

SEGUE A @DESTAKGOSPELFM

(21) 98232-3994

destakfm@msn.com
Rio de Janeiro

NO AR:
AUTO PROGRAMAÇÃO