NOTÍCIAS


Ex-traficante é transformado após ouvir a filha de 12 anos: “Quero que conheça Jesus”


Jim Wahlberg cresceu em um bairro periférico de Boston, nos Estados Unidos, com sua família de oito irmãos. Enfrentando dificuldades financeiras, seus pais lutavam para dar uma vida melhor aos filhos.

Com 8 anos, Jim percebeu o quanto sua família era pobre ao se mudarem para um bairro de classe média. 

“Imediatamente me senti diferente. Eu me senti menos. Então, comecei a pegar coisas que não me pertenciam, para tentar viver de acordo com a maneira como eles viviam”, disse Wahlberg, em entrevista à CBN News.

Roubar e fugir da polícia logo se tornou rotina para o menino. Com apenas 10 anos, Jim foi detido pela primeira vez.

Adolescência no reformatório

Ele passou toda sua adolescência entrando e saindo do reformatório e encontrou nas drogas e no álcool o seu refúgio.

“Eu bebia para tentar me livrar da vergonha e daqueles sentimentos de auto-aversão. Está tudo enraizado no medo. Medo do que os outros pensam de mim. Medo de não ser bom o suficiente”, revelou Wahlberg.


Jim Wahlberg foi transformado e liberto por Deus. (Foto: Reprodução/CBN News).

Aos 17 anos, Jim foi condenado a cinco anos de prisão por assalto à mão armada. “Comecei a beber sob o pretexto de que estava comemorando. Mas eu não estava comemorando. Eu estava me medicando”, contou.

“Eu estava tentando acalmar esse medo, esse desconforto. Eu era o mais perigoso que já tinha sido. Eu estava com o maior medo que já tive. Eu estava na pior condição mental que já estive em toda a minha vida”.

Mais tarde, Jim se tornou um traficante de drogas e voltou à prisão, depois de invadir a casa de um policial, totalmente drogado.

Eu vivi uma vida difícil e confusa. Sempre fui um traficante, sempre manipulador, apenas para conseguir o que queria, e fiz o que tinha que fazer para conseguir”, disse ele.

Ouvindo sobre Deus na prisão

A essa altura da vida, o jovem não tinha mais esperança de mudar. “Eu me senti completamente derrotado e quebrado. Me senti resignado com o fato de que essa era a maneira como minha vida seria para sempre. Meu coração era uma pedra”, confessou.

No presídio, Jim passou a participar de um programa de reabilitação, numa tentativa de diminuir sua pena.

“Apenas tentando criar a ilusão de que estava melhorando. E sempre pensando quando sair, vou usar de novo”, afirmou.

O traficante também passou a trabalhar como zelador da capela da prisão, onde o padre Fratus falou sobre Deus para ele.

Certo dia, o padre pediu para Jim limpar a capela porque receberiam a visita especial da Madre Teresa de Calcutá. 

“Você é um filho de Deus”


Jim Wahlberg foi transformado e liberto por Deus. (Foto: Reprodução/CBN News).

Em 4 de junho de 1988, Madre Teresa ministrou aos prisioneiros na Instituição Correcional de Massachusetts em Concord.

“Você é mais do que os crimes que cometeu para estar aqui. Você é mais do que o seu número de identificação da prisão. Você é um filho de Deus”, pregou Calcutá.

Depois de ouvir a mensagem sobre um Deus amoroso, Jim orou: “Deus, me ajude a ser a pessoa que você quer que eu seja. Eu não posso continuar sendo essa pessoa. Ajude-me a ser livre desta vida”.

“Senti a presença de Deus em meu coração”, testemunhou o ex-traficante. Então, ele começou a estudar a Bíblia e foi liberto do vício em drogas.

Após três anos de pena, Jim foi liberto por bom comportamento. Com o tempo, ele foi se distanciando do Senhor.

“Papai, eu quero que você seja feliz”

“Eu era fraco em meu relacionamento com Deus e era apenas um ser humano fraco”, disse. 

Jim se casou, teve três filhos e se tornou diretor executivo de uma fundação para crianças. Apesar do sucesso, o homem estava insatisfeito com sua vida.

“Minha filha, Kyra, que tinha 12 anos na época, veio até mim e disse: ‘Papai, eu quero que você seja feliz. Eu quero que você conheça Jesus’”, relatou.

A pedido da menina, ele participou de um retiro cristão para homens e foi transformado por Jesus.

“Deus começou a se revelar a mim novamente. Ele começou a derreter o gelo que era meu coração. Eu estava sobrecarregado e eu me senti tão em paz”, testemunhou.

Após ter sua fé reacendida, Jim passou a servir a Jesus e a ajudar outros dependentes químicos a encontrarem liberdade no Evangelho.



Fonte: Guiame


16/08/2022 – Destak Gospel

COMPARTILHE

SEGUE A @DESTAKGOSPELFM

(21) 98232-3994

destakfm@msn.com
Rio de Janeiro

NO AR:
AUTO PROGRAMAÇÃO