NOTÍCIAS


Ex-jogador da NFL prega o Evangelho na CNN: "Onde você passará a eternidade?"



O ex-jogador da NFL, Benjamin Watson, pregou o Evangelho durante sua participação ao vivo na CNN, na quarta-feira (4), nos Estados Unidos.

Watson, atleta cristão que jogou 15 temporadas na Liga Nacional de Futebol Americano, lembrou que todos enfrentarão a morte algum dia, mas que Deus oferece salvação através de seu filho Jesus.

A declaração de fé foi feita enquanto ele e o âncora da CNN, Anderson Cooper, comentavam sobre o jogador Damar Hamlin, que sofreu uma parada cardíaca em campo na segunda-feira (2), durante o jogo Buffalo Bills contra Cincinnati Bengals.

No início do jogo, Damar, de 24 anos, se chocou com o jogador adversário Tee Higgins, sofrendo uma pancada forte no peito. Damar recebeu reanimação no gramado por quase 10 minutos e foi levado para o hospital, onde permanece em estado crítico.

Comentando sobre os perigos do futebol americano, Anderson Cooper disse: “Para mim é um lembrete, não apenas da violência do jogo de futebol americano, mas da fragilidade da vida humana, de que alguém em seu auge, um atleta incrível no topo a vida pode mudar em um piscar de olhos, e você sabe, e pode mudar para todos nós”.

Benjamin Watson concordou com o jornalista: “Você está absolutamente certo. Estes tempos nos colocam frente a frente com nossa própria mortalidade. E todos nós temos um dia para nascer, e todos nós temos um dia para morrer”.

Lembrando da eternidade

O ex-jogador, que conquistou o Super Bowl ao lado de Tom Brady, ressaltou que mesmo o ser humano se sentindo invencível, todos terão um encontro com a morte.

“Seja você um atleta profissional, quer esteja no topo de sua profissão, quer esteja se sentindo saudável”, pontuou.

Em rede nacional, Benjamin refletiu: “Onde estamos? Onde estão nossos corações? Se fossemos nós deitados no campo ou se fôssemos nós deitados no hospital, quais seriam nossos próximos passos?”.

Para Watson, tragédias como a que aconteceu em campo com Damar, é também uma oportunidade de lembrar da eternidade e da nossa situação com Deus.

“Parte das minhas orações agora é para os jogadores em ambos os vestiários, para os capelães, que estão agora aconselhando e confortando os jogadores que viram um irmão em uma experiência de quase morte, e que ainda estava lutando por sua vida”, disse.

E pregou: “Porque as perguntas sobre o que acontece depois desta vida: ‘Onde você passará a eternidade?’, como você mencionou, Anderson, estão surgindo para todos nós, não apenas para os jogadores de futebol. Mas graças a Deus que Ele fornece uma resposta por meio de seu Filho Jesus Cristo”.

Corrente de oração pelo jogador

Após Damer Hamlin, de 24 anos, receber reanimação no gramado por quase 10 minutos e ser retirado em uma ambulância, os dois times adversários se ajoelharam no campo e oraram pelo jogador.

Torcedores dos dois times saíram do estádio, se reuniram em frente ao hospital e fizeram uma roda de intercessão pela vida de Damer. 

Uma corrente de oração também inundou as redes sociais. No Twitter, atletas e usuários clamaram a Deus por proteção e saúde para o jovem atleta.

Na terça-feira (3), o ex-zagueiro da NFL e analista de esportes da ESPN, Dan Orlovsky, assumiu uma posição de fé, inclinando a cabeça e orando durante o programa ao vivo pelo jogador do Buffalo Bills.

 



Fonte: Guiame


06/01/2023 – Destak Gospel

COMPARTILHE

SEGUE A @DESTAKGOSPELFM

(21) 98232-3994

destakfm@msn.com
Rio de Janeiro

NO AR:
ADORA TOP