NOTÍCIAS


Evangelista distribui milhares de Bíblias para ucranianos na Europa e Israel



Desde o início da guerra na Ucrânia, o pastor e evangelista holandês Johan Schep se comprometeu a enviar Bíblias aos ucranianos que fugiram de seu país. Em oito meses, milhares de exemplares foram distribuídos na Europa e em Israel.

Johan diz que conheceu Israel em uma época de sua vida onde estava afastado de Deus. “Quando eu era jovem, estávamos no meio da cultura hippie. Eu disse adeus à fé e estava em busca de liberdade. Quando comecei a viajar, acabei em Israel, onde uma nova guerra tinha acabado de estourar”, ele contou, segundo o site Revive.

Depois que Johan de sua passagem por Israel, Johan seguiu seu próprio caminho. “Eu construí uma cabana no deserto e morei lá por um tempo. Após quatro meses de viagem, descobri no deserto que minha mãe tinha colocado uma Bíblia na minha mochila quando parti”, lembra. 

Pensando que havia decidido andar longe de Deus sendo que nunca havia lido a Bíblia, Johan começou a ler o capítulo 5 de Gálatas, que continha duas palavras que ele nunca tinha visto juntas: “liberdade” e “Cristo”. 

“Fiquei preso a Jesus e lá no deserto entreguei meu coração e a minha vida a Ele. Eu li toda a Palavra enquanto estava lá sozinho. Foi assim que nasceu meu amor pelo Senhor Jesus e pela Bíblia”, relata.

Por que enviar Bíblias?

Quando forças da Rússia invadiram a Ucrânia, Johan confessa que ficou sem saber como poderia ajudar os ucranianos de forma prática. “Até que Deus falou: ‘Mantenha a sua leitura’”. 

Johan entendeu que não precisava se ocupar com algo que não entendia, mas sim se ater à sua vocação: a Palavra de Deus. 

Ele conseguiu obter 400 Bíblias ucranianas e russas impressas na Alemanha — já que alguns ucranianos falam a língua russa fluentemente. 

“Quando elas foram distribuídas, pensei que tinha concluído [minha missão]. Mas nesse meio tempo, com muito apoio e doações de empresas, consegui imprimir e enviar um número muito grande de Bíblias. E enquanto as pessoas continuarem pedindo, continuarei enviando”, destaca.

Hoje em dia, Johan conta com uma rede de contatos na Holanda, que sabem onde encontrá-lo quando as Bíblias ucranianas são necessárias. 

“No início deste ano, o exército ucraniano solicitou a entrega de 20.000 sacos para cadáveres. Ainda havia espaço no caminhão. Conhecidos aproveitaram para enviar 10.000 Bíblias e Bíblias infantis”, lembra.

Bíblias a Israel

Uma das caixas de Bíblias foi para Tiberíades, em Israel. 

“Muitos judeus da Ucrânia foram para Israel. Na pressa, eles se esqueceram de levar a Bíblia ou ela foi confiscada pela alfândega. O Novo Testamento é um livro proibido lá”, observou. 

Johan ouviu uma história de uma família judia messiânica cuja Bíblia realmente havia sido levada pela alfândega. “Quando chegaram a Tiberíades, uma Bíblia e uma Bíblia infantil estavam à espera deles.” 



Fonte: Guiame


13/12/2022 – Destak Gospel

COMPARTILHE

SEGUE A @DESTAKGOSPELFM

(21) 98232-3994

destakfm@msn.com
Rio de Janeiro

NO AR:
ADORAÇÃO MÁXIMA