NOTÍCIAS


Após ver pregação online, muçulmano vai à igreja para confrontar e se rende a Jesus



Um muçulmano que foi até uma igreja para confrontar após assistir pregações online da congregação, acabou se rendendo a Jesus em um país do Oriente Médio, não divulgado por razões de segurança.

De acordo com o ministério Christian Aid, um jovem encontrou o site da missão e passou a ver o conteúdo cristão para difamar a igreja local na internet.

“Ele estava usando o site para zombar de qualquer coisa relacionada ao cristianismo, espalhando falsa propaganda sobre nossa igreja nas mídias sociais”, relatou o líder do ministério.

Depois de agir como “hater” do ministério na web, certo dia, o muçulmano foi ao templo com o propósito de confrontar e discutir com os líderes pessoalmente.

“Nossos irmãos ouviram respeitosamente suas queixas e responderam com versículos da Bíblia”, disse o líder.

O poder da mensagem do Evangelho se manifestou poderosamente e acabou com todo o ódio no coração do jovem.

“Ele ficou tão tocado por suas respostas pacíficas que caiu de joelhos e se arrependeu de seus pecados”, testemunhou o líder.

O muçulmano aceitou Jesus, foi batizado e agora, o hater que zombava, se tornou um cristão que louva a Deus e prega as Boas Novas nas redes sociais.

“É incrível como Deus mudou seu coração”, declarou o líder local. “Há 2.000 anos antes algo semelhante aconteceu com Saulo, que se tornou Paulo, que também foi milagrosamente transformado”.

Abrindo portas com o evangelismo digital

No Oriente Médio, o evangelismo digital se tornou uma importante ferramenta para levar o Evangelho a uma das regiões mais fechadas para o cristianismo no mundo.

A maioria das pessoas na região islâmica pode nunca chegar a conhecer um cristão e em muitos países, a evangelização é proibida.

“Estamos dando muita importância aos nossos sites de mídia social, porque é por este meio que Deus está atraindo muitas ovelhas perdidas para o seu Reino”, explicou o líder da Christian Aid Mission. 

Os missionários da organização estão testemunhando uma grande fome pelo Evangelho na região de maioria islâmica, com muitos mulçumanos querendo conhecer mais sobre Cristo e indo à igreja.

“Geralmente levávamos uma caixa de 20 a 30 Novos Testamentos uma vez por mês, mas agora as pessoas estão chegando e levando 20 Novos Testamentos por dia. Deus começou um grande despertar”, declarou o líder.



Fonte: Guiame


08/08/2022 – Destak Gospel

COMPARTILHE

SEGUE A @DESTAKGOSPELFM

(21) 98232-3994

destakfm@msn.com
Rio de Janeiro

NO AR:
AUTO PROGRAMAÇÃO